quinta-feira, 30 de Setembro de 2010

TARTELETES DE CREME DE QUEIJO E FRAMBOESAS

Nada mais fácil de preparar.
Estas bases para tarteletes tornam possível uma sobremesa em poucos minutos.

Optei pelo creme de queijo e framboesas, que abundam por aqui nesta altura.
Mas fruta laminada com um acabamento de gelatina para dar brilho e não deixar secar a fruta, ou recheadas com creme pasteleiro ou custard e algumas frutas, creme brigadeiro ou leite condensado cozido...
As combinações são infindáveis.

Esta é uma sugestão de sobremesa para se fazer com as crianças, elas adoram. Aliás adoraram tanto a elaboração como a degustação, um must.

TARTELETES DE CREME DE QUEIJO E FRAMBOESAS
 

INGREDIENTES
bases de tarteletes

queijo creme tipo philadelphia
açúcar em pó
gotas de sumo de limão
framboesas

PREPARAÇÃO
Numa taça bater o queijo com o açúcar a gosto. juntar algumas gotas de sumo de limão.
quando a textura for a desejada rechear as tarteletes e cobrir com as framboesas.

Manter no frigorífico até à hora de servir.

 
 

NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Para obter o creme juntar algumas colheres de açúcar em pó e mexer até obter uma consistência algo presa;
- A textura melhora com o tempo, ao fim de algumas horas, ou de um dia para o outro, o recheio de queijo torna-se mais preso e mais fácil de cortar, sem perder cremosidade e sabor;
- Para 4 tarteletes não é preciso mais que 150g de queijo creme.

sábado, 25 de Setembro de 2010

QUICHE SEM MASSA - QUICHE DE BACON, ESPINAFRE E COGUMELOS

Uma versão light da receita de quiche.

Nos dias de hoje é frequente termos um rolo de massa folhada no frigorífico ou umas placas da mesma massa no congelador. Mas para aqueles dias em que não há massa folhada e se quer fazer uma quiche, para reaproveitamentos, um lanche ou piquenique, fica aqui a sugestão.

A textura é diferente da quiche radicional, com o recheio menos gelificado, mais cremoso, pois omitem-se as natas e substituem-se por leite e farinha, daí esta quiche se tornar mais light. É em muito parecida com as Rodelas e Fatias de Courgette.

O creme nesta versão é sempre o mesmo, quanto ao recheio é o ao gosto de cada um, nesta optei por bacon que se frita previamente para perder a gordura, cogumelos e espinafres.

Fiz assim...

QUICHE SEM MASSA - QUICHE DE BACON, ESPINAFRE E COGUMELOS

INGREDIENTES
Para o creme:
3 ovos
125g de farinha
500ml leite
100g de queijo ralado
sal (cuidado com os ingredientes salgados e temperados)
pimenta moída
noz moscada moída
óregãos secos

Para o recheio:
200g de bacon em cubos
150g de espinafres congelados ou frescos
200g de cogumelos frescos (ou 1 lata de cogumelos laminados)


PREPARAÇÃO
Numa taça bater os ovos com uma vara de arames ou garfo.
Acrescentar a farinha, bater e acrescentar o leite aos poucos.
Juntar o queijo ralado e temperar.

Cozer os espinafres frescos ou congelados em água e sal. Escorrer bem, apertando um pouco.

Numa frigideira bem quente aquecer o bacon, para soltar a gordura. Escorrer a gordura e juntar os cogumelos, deixando fritar mais um pouco com o bacon.

Untar um pirex redondo, forrar o fundo com papel vegetal e dispor o recheio: bacon e cogumelos e espinafre.
Verter o creme por cima, ajeitar a superfície.

Levar ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 40min. ou até a superfície se apresentar dourada.

Esperar 10min. antes de desenformar.

 
NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Se os cogumelos forem frescos a fritura demora um pouco mais. Se forem enlatados devem ser escorridos e apertados, para eliminar a água que têm;
- Outros recheios podem ser acrescentados: milho, brócolos cozidos, cubos de fiambre, sardinha enlatada limpa de peles e espinhas;
- É importante que se esperem uns minutos antes de desenformar, para que a quiche contraia e se possa virar primeiro para um prato ou tabuleiro e depois para o prato de servir.

quarta-feira, 15 de Setembro de 2010

SALADA DE MELANCIA, FETA E AZEITONAS PRETAS

Para os dias quentes que ainda nos assolam, fica uma sugestão de uma salada muito fresca.

A frescura e doçura da melancia, aliada à textura e salinidade do queijo feta, ao aroma das ervas frescas e à acidez da lima.
Uma salada muito boa, sim Sra., D. Nigella, well-done, a repetir.

Pode parecer um pouco estranho servir a salsa em pedaços tão grandes, mas ao saborear tudo em conjunto o resultado é muito bom.

Fiz assim...

SALADA DE MELANCIA, FETA E AZEITONAS PRETAS


INGREDIENTES
1 cebola roxa pequena
2 limas
1,5kg de melancia
250g de queijo feta
1 ramo de salsa
1 ramo de hortelã
100g de azeitonas pretas descaroçadas
4 colheres (sopa) de azeite
1 pitada de pimenta

PREPARAÇÃO
Cortar a cebola bem fina e colocar numa tigela juntamente com o sumo das limas. Deixar marinar para que a cebola fique macia e mais transparente.

Descascar a melancia, retirar as sementes e cortar em triângulos de 4cm.
Cortar o queijo em cubos.

Na taça larga onde se servir a salada colocar a melancia, o queijo, as folhas de salsa cortadas grosseiramente e a hortelã cortada mais finamente.
Juntar as tiras de cebola e os sucos largados, as azeitonas e temperar com uma boa pitada de pimenta e o azeite.

Envolver tudo com cuidado para que a melancia e o queijo não percam a forma.

NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- As folhas de salsa devem ser cortadas grosseiramente como que folhas para salada e não como guarnição.

quinta-feira, 9 de Setembro de 2010

CRUMBLE DE RUIBARBO E MORANGO

E foi assim que lá foram os últimos (quase) morangos da época. Ficaram em grande companhia para um final feliz.

Muito rápido de se fazer este crumble. Pode ser comido morno ou frio, simples ou com um creme custard ou natas a acompanhar.

Com uma cobertura supercrocante e um recheio agri-doce.

O ruibarbo dá consistência ao morango e confere-lhe o acre que combina bem com o adocicado destes morangos pequenos de fim de época.
Uma excelente combinação.

Fiz assim...

CRUMBLE DE RUIBARBO E MORANGO


INGREDIENTES
Para a cobertura:
200g de farinha
100g de manteiga
6 colheres (sopa) de açúcar demerara
1 colher (chá) de fermento em pó

Para o recheio:
350g de ruibarbo
350g de morango
3 colheres (sopa) de açúcar baunilhado

PREPARAÇÃO
Numa caçarola levar ao lume o ruibarbo cortado em pedaços de 1,5-2cm, os morangos em pedaços grosseiros e o açúcar baunilhado. Deixar ferver 1-2 minutos, até os morangos soltarem o suco e o ruibarbo querer desfazer-se.

À mão ou no robot, misturar a farinha com a manteiga fria em cubos, até obter uma areia.
Juntar o açúcar e o fermento e envolver.

Num refractário colocar o recheio do ruibarbo e morango e cobrir com a mistura da farinha.

Levar ao forno pré-aquecido a 180ºC até o recheio borbulhar e a superfície aparecer dourada.


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- O recheio pode ser aromatizado com licor ou vinho do porto;
- Não deixar ferver o recheio em demasia para que o ruibarbo não se desfaça completamente, uma vez que ainda vai cozinhar no forno;
- A cobertura pode ser feita com açúcar branco normal, mas com os cristais do demerara a cobertura torna-se-á mais crocante;
- Quando se cobrir o recheio com a coberturas de "migalhas" deixar algum torrão maior para ficar com aspecto mais rústico.