segunda-feira, 14 de Fevereiro de 2011

ARGOLAS DE GROSELHA (XAROPE)

Argolinhas muito rápidas de fazer e também de comer :)
Aqui por casa têm de ser escondidas. Mal os pequenos olhos as vêem não as largam e pior que isso, ou não, querem levá-las para a escola, para todos os amigos.

O interior rosa torna-as diferentes. São uma sugestão para o Dia dos Namorados ou para outro dia qualquer.

A massa com leite condensado foi inspirada nas Madalenas de Limão.
Permanecem macias e ligeiramente húmidas durantes dias, se fechadas.

Optei por não as cobrir, mas pode ser usado um glacê (ver notas).

Fiz assim...

ARGOLAS DE GROSELHA (GROSELHA)


INGREDIENTES
1 lata de leite condensado
3 ovos
100ml de água
4 colheres (sopa) de xarope de groselha
2 colheres (sopa) de óleo
400g de farinha de trigo
1 pitada de sal fino
1 colher (sopa) de fermento em pó

PREPARAÇÃO
Numa taça misturar o leite condensado com os ovos e mexer com a vara de arames.
Acrescentar a água, a groselha e o óleo e misturar bem.
Juntar à mistura líquida os ingredientes secos: a farinha, o sal e o fermento. Misturar mas sem bater em demasia.

Encher as forminhas de donuts rapidamente e fechar a máquina pré-aquecida. Deixar assar até ficarem louras.
Retirar e deixar arrefecer numa grelha ou em escama uns nos outros.

Rende umas 60 pequenas argolas.


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Das muitos xaropes de groselha apenas aprecio o da marca Altoviso;
- Os apreciadores podem juntar, 1-2 gotas de essência de rosas para as tornar mais aromáticas;
- Para o glacê, basta bater 1 clara em castelo com gotas de corante vermelho e acrescentar 250g de açúcar em pó até se obter um creme macio, tal como foi feito nesta cobertura. Com um bico pasteleiro ou melhor, com um canudo feito com papel vegetal, passar fios de glacê para um lado e para o outro. Para facilitar o processo, alinha-se as argolinhas e passam-se os fios de glacê por várias ao mesmo tempo. Pode também omitir-se o corante para fazer contraste do branco com o rosa.

segunda-feira, 7 de Fevereiro de 2011

ESPIGAS DE MILHO - PÃEZINHOS DE MILHO

Estes pães são bonitos mas também deliciosos.
Muito leves, servem para um acompanhamento mais sofisticado de um guisado, uma sopa, uns simples ovos mexidos com bacon ou para momentos mais informais, como num fondue ou para dipar num molho, por exemplo.

Os garotos vão adorar estes pãezinhos de forma tão engraçada.

A textura é muito arejada, a sémola de milho dá crocância a estas espigas pelo que os torna ideais para acompanhamentos ou aperitivos.
São assados no forno numa forma bem pesada de ferro fundido, não é fácil arranjar, mas se conseguir vai ver o sucesso. Mas sem esta forma também se podem fazer, numa frigideira de ferro que possa ir ao forno, ou num tabuleiro, mesmo que não seja de ferro, cortando depois em cubos.

Este tipo de pão é uma versão americana dos pães de milho mexicano. São por isso típicos dos estados americanos sulistas. Embora existam várias receitas, desta vez segui a da Nigella em Nigella Bites.

Podem ser simples ou spicy, com pimento ou malagueta, ou com ervas frescas picadas. São versões mais usadas como aperitivos.
Fiz assim...

ESPIGAS DE MILHO  - PÃEZINHOS DE MILHO


INGREDIENTES
175g de sémola de milho
125g de farinha de trigo
45g de açúcar
boa pitada de sal
1 colher (sopa) de fermento em pó
250ml de leite gordo
1 ovo
45g de manteiga sem sal derretida

PREPARAÇÃO
Pré-aquecer o forno a 200ºC.

Numa taça misturar a sémola, a farinha, o açúcar, o sal e o fermento. Num copo medidor derreter a manteiga e deixar arrefecer. Juntar à manteiga o ovo e bater com um garfo e por fim o leite.
Junte os ingredientes líquidos aos secos e misture com uma colher de pau até estar homogéneo.

Colocar pequenas porções de massa nas cavidades da forma, picelada com óleo, e levar ao forno 15min. (25min. se usar uma forma/tabuleiro) a 200ºC.

Desenformar e repetir o procedimento de pincelar as forma e assar, até esgotar a massa.

Rende 18 pequenas espigas.


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Se usar uma forma de bolo ou tabuleiro deve untar muito bem antes de colocar a massa, ou mesmo usar papel vegetal untado;
- A massa tem uma consistência grumosa que escorre da colher.

quarta-feira, 2 de Fevereiro de 2011

CREPES DE FRANGO E COGUMELOS

A festa religiosa francesa Chandeleur, Festa das Luzes, comemora-se actualmente como o Dia dos Crepes. Na antiguidade, os crepes seriam feitos com a farinha que sobrava do Inverno.  Por serem redondos e dourados, fazem lembrar o Sol, e por isso evocam o regresso da Primavera depois de um frio Inverno. São símbolo de prosperidade para o ano que há pouco começou.

Seja como for, fica aqui uma sugestão de crepes salgados, para uma refeição ligeira. Que este seja o vosso dia dos crepes. E se com a crise que se avizinha, ao longo do ano não houver pão, comam crepes :)

Frango e cogumelos, com queijo e molho béchamel é uma combinação infalível, mas podem ser usadas outras combinações (ver Notas). O frango usado a maior parte das vezes é de uma sobra de frango assado, de churrasco ou não, ou cozido.
Um refeição de crepes entre amigos, permite que cada um possa rechear a seu gosto, agradando a todos.

Fiz assim...

CREPES DE FRANGO E COGUMELOS


INGREDIENTES
folhas de crepes
fio de azeite
1 cebola
1 dente de alho
2 tomates pelados
1 colher (chá) de orégãos
cogumelos frescos fatiados ou enlatados laminados
frango cozido ou assado
sal
pimenta moída

molho béchamel

queijo mozzarela ralado

PREPARAÇÃO
Numa caçarola aquecer o azeite e saltear a cebola e o alho picados.
Juntar os tomates pelados picados e os orégãos e deixar cozinhar 2min..
Adicionar os cogumelos e cozinhar 5min., tapado, mexendo de vez em quando.
Acrescentar o frango picado ou desfiado e temperar de sal e pimenta.
Reservar.

Em cada folha de crepe colocar um pouco do molho de cogumelos e frango,  um pouco de molho béchamel e queijo ralado. Dobrar as margens opostas, formando um rectângulo e enrolar.
Virar as dobras para baixo e já no prato de servir barrar a superfície do crepe com um pouco de molho béchamel e polvilhar com queijo ralado.
Levar ao forno ou microondas, até que o queijo derreta.

Servir de imediato com salada verde de alface, espinafre e rúcula ou agrião.

 
 
 
 
 
 
 

NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Ao refogado dos cogumelos pode ser adicionada uma erva fresca picada, como a salsa, coentros, tomilho-limão...
- Os recheios podem ser usados, substituindo o frango por outra carne desfiada, ou fiambre em cubos ou ovo cozido picado;
- Vegetais podem completar o recheio, como milho, ervilhas, cenoura ralada ou beringela ou courgette salteadas em manteiga.