sábado, 24 de Novembro de 2012

NUTLETS - ORESHKI - NOZES RUSSAS

Bonitas e saborosas.
Oreshki significa em russo, pequena noz.

Provei estes doces típicos russos numa festa de aniversário e não demorei a querer fazê-los em casa.
Parece que na origem são muito comuns nas festas de aniversário e em casamento (uma boa analogia à união, neste caso de dois meios biscoitos com um creme bem doce).
São também frequentes noutros países como a Ucrânia por terem tido ocupação russa. Assim que me enviaram estes formas da Ucrânia foi mãos à obra.

A massa é areada crocante e o recheio é dulce de leche e uma meia noz, que até pode não ser usada.

Demoram um pouco a fazer, mas também se podem fazer com antecedência e rechear no dia, ou no dia anterior, e vale a pena. É sucesso garantido com as crianças gulosas.

Já tenho ideias para massas e recheios salgados ;)

Fiz assim...  

NUTLETS - ORESHKI - NOZES RUSSAS


INGREDIENTES  
Para a massa:
2 ovos
100g de açúcar
250g de manteiga ou margarina à temperatura ambiente
1/4 colher (chá) de fermento em pó
1/4 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de vinagre
300g de farinha

Para rechear:
leite condensado cozido
manteiga (opcional)
miolo de noz

PREPARAÇÃO  
Numa tigela bater os ovos com o açúcar.
Acrescentar a margarina, o fermento, o sal e o vinagre.
Juntar a farinha para unir e tornar a massa densa.

Dividir a massa em rolos e cada rolo em pequenas bolas do tamanho de avelãs.

Pré-aquecer a forma dos oreshki e pincelar com óleo.
Encher as cavidades da forma com as bolinhas de massa.
Fechar a forma e assar.
Virar a forma e continuar a assar.

Retirar as massas e deixar arrefecer numa tigela ou prato.

Rechear cada metade com leite condensado cozido e meia noz.
Juntar as duas metades.


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- No recheio pode optar-se por bater 75g de manteiga na batedeira até ficar fofa e misturar 1 lata de leite condensado cozido. Não usei manteiga para tornar menos calórica a receita;
- Pode usar leite condensado já cozido ou simplesmente cozê-lo 30min. na panela de pressão (a partir do momento que o pipo começa a perder pressão) com as latas cobertas de água e com um esguicho de vinagre (para a panela não ficar preta). Para economizar podem-se cozer 2-3 latas de cada vez, pois estas não se estragam na despensa e estarão prontas a qualquer momento para uma Baba de camelo ou para barrar nuns crepes/panquecas ou waffles;
- Conservam-se 1 semana numa caixa plástica fechada. No verão colocar no frigorífico.

quinta-feira, 1 de Novembro de 2012

MERENDEIRAS PARA O DIA DO BOLINHO

Mais um Dia do Bolinho que não podia deixar de ser, com bolinho, desta vez Merendeira para o dia do bolinho.

Macias e saborosas. Não têm textura densa e emborrachada típica das merendeiras com batata. Aqui a quantidade usada permite elasticidade da massa.

As grandes cortam-se às fatias, as pequenas abrem-se ao meio e são perfeitas para rechear com fiambre e queijo e levar na lancheira.
Os aromas da canela, erva-doce e limão são os tradicionais desta época.

A quantidade indicada foi a que fiz para permitir distribuição aos que tocam a campainha e àqueles que visitamos neste dia. É sem dúvida um dia de partilha.

Fiz assim...

MERENDEIRAS PARA O DIA DO BOLINHO


INGREDIENTES
450g de margarina
750ml de água de cozer as batatas
12 ovos
500g de batata cozida
4 colheres (sopa) de fermento biológico seco
1 colher (sopa) de sal
2 colheres (sopa) de canela em pó
2 colheres (sopa) de erva-doce moída
raspa de 4 limões
3kg de farinha de trigo T65
1,2kg de açúcar
400g de amêndoas com pele
400g de nozes descascadas partidas
300g de sultanas

Para decorar:
1 ovo
1 colher (sopa) de água

PREPARAÇÃO
Numa caçarola levar ao lume a margarina para derreter.
Juntar à margarina a água e os ovos. Bater com a varinha mágica.
Juntar as batatas, o fermento, o sal, a canela, a erva-doce e raspa de limão e triturar com a farinha mágica até obter um creme liso.

Num alguidar colocar a farinha, abrir uma cavidade no centro e juntar os liquídos.
Amassar.
Juntar o açúcar e amassar um pouco mais.

Deixar levedar 1h.
Juntar os frutos secos, misturar bem na massa.
Polvilhar com farinha e deixar levedar mais 1h-1h30.

Enfarinhar a banca da cozinha.
Retirar porções de massa, tender em farinha e dispor sobre farinha na banca.

Aquecer o forno a 200ºC.
Colocar as merendeiras tendidas sobre tapete de silicone ou papel vegetal num tabuleiro.
Pincelar com o ovo batido com água.
Levar ao forno até dourarem, cerca de 30min (as pequenas) a 40min. (as maiores).

Retirar do forno e deixar arrefecer sobre uma grelha.

Rende cerca de 50 merendeiras médias.


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Na bimby: pulverizar a casca de limão, juntar a margarina e aquecer para derreter, juntar os ovos e a água e bater, juntar a batata cozida, sal, fermento, canela, erva-doce e triturar até obter creme liso. Misturar estes líquidos no alguidar com a farinha e seguir como no método tradicional;
- Congelam bem inteiras ou abertas a meio para descongelarem na torradeira :).