domingo, 8 de julho de 2018

BOLO DE MIRTILOS

A colheita biológica deste ano é maior que a do ano passado. Apanhámos apenas os maduros e da variedade de mirtilos mais precoce e que também é de tamanho maior. Contabilizámos 600 g. Estes pés de mirtilos, que o FO me deu já faz 3 anos, têm produzido mais que os que tive em tempos.

Os mirtilos aqui em casa, para além de serem comido ao natural ou usados para complemento de iogurtes, ao lanche ou pequeno-almoço, desta vez, juntamente com o próprio iogurte, foram parte integrante deste bolo.
Na massa acabam por afundar um pouco deixando a superfície do bolo manchada e bem bonita.

Este bolo tem textura densa, muito macia, como poros pequenos e não esfarela. Não é um bolo seco, pela inclusão do iogurte, nem muito doce. Os mirtilos ao assar acabam por se desfazer parecendo que foram usados sob a forma de doce, acrescentando essa textura cremosa ao bolo. Se tivesse sido coberto com chocolate lembravam aquelas bolachas com geleia, as jaffa cake.

Entretanto mais mirtilos amadurecerão e sairão uns Blueberry Muffins ou um Clafoutis de mirtilo.

BOLO DE MIRTILOS


INGREDIENTES
100 g de manteiga
150 g de açúcar
5 ovos
2 colheres (sopa) de sumo de limão
rapa de limão
150 g de iogurte espesso (viili, amasi, grego, skyr, queijo quark...)
250 g farinha
2 colheres (chá) de fermento em pó
200 g de mirtilos frescos

PREPARAÇÃO
Bater muito bem a manteiga amolecida com o açúcar, na batedeira, durante alguns minutos.
Juntar as gemas e 1 das colheres de sumo de limão e a respetiva raspa e continuar a bater até obter um creme esbranquiçado.
Acrescentar o iogurte e envolver.
Misturar a farinha e o fermento e bater levemente.
Bater as claras em castelo com uma pitada de sal e a colher de sumo de limão restante.
Envolver as claras por três partes na massa do bolo.
Envolver os mirtilos.

Levar ao forno pré-aquecido por 180 °C cerca de 40 minutos ou testando com o palito.

Desenformar sobre uma rede para arrefecer.


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Podem substituir-se os mirtilos frescos por congelados ou por outros frutos como as framboesas ou mesmo passas de uva;
- Neste bolo usei iogurte viili;
- Ao misturar o iogurte a massa tende a talhar, mas assim que se mistura a farinha volta à textura habitual;
- Usando uma forma grossa de alumínio fundido baixo a temperatura para 170 ºC, podendo demorar mais 5 minutos a assar;
- Não é um bolo que cresça em demasia no centro, pelo que fica com uma superfície plana, assentando perfeitamente no prato sem necessidade de ser aparado;
- Para não encher demasiado a forma, também para que a massa do bolo possa ser provada sem encertar o bolo :) e ainda para poder enviar como lanche, agora que é tempo de praia, algumas colheradas de massa podem ser guardadas para encher umas forminhas plissadas de silicone.

2 comentários:

  1. Deve ser delicioso! Adorei a forma :)
    Beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
  2. Até babei o teclado….

    Tem um ar super delicioso.

    Bjs CP

    ResponderEliminar

Deixe aqui o seu comentário a esta cozinha!