segunda-feira, 3 de outubro de 2011

TRIFLE DE FRAMBOESA

Para os apreciadores de framboesas, aqui fica outra sugestão a experimentar, depois da Tarte de framboesas glaceadas.

Os trifles são vistosos, frescos, saborosos e fáceis de preparar.
A combinação do bolo partido e embebido em vinho de porto e do creme custard é típica e eu gosto de a manter.
Embora sejam frutos de verão, o aroma das framboesas combinado com o do vinho do porto e da baunilha do creme e do bolo, lembra-me o início do outono, a minha estação preferida.

Um doce para degustar a cada colherada, aproveitando todas as texturas suavizadas pelo chantilly.
Uma sobremesa muito rica no contraste: do sabor agridoce das framboesas e doce do creme custard; do aroma do vinho do porto e da baunilha; e da textura das grainhas das framboesas, do bolo e do chantilly.

Fiz assim...

TRIFLE DE FRAMBOESA


INGREDIENTES
Para o creme custard:
0,5l de leite
2,5 colheres (sopa) de farinha custard
3 colheres (sopa) de açúcar
1 casca de limão
1 pau de canela
3 colheres (sopa) de manteiga

Para o doce de framboesa:
500g de framboesas frescas ou congeladas
100g de açúcar
2 folhas de gelatina vermelhas

Para o bolo:
1 bolo esponja tipo madeira de baunilha
200ml de vinho do porto

Para o chantilly:
400ml de natas
4 colheres (sopa) de açúcar

framboesas frescas (decoração)

PREPARAÇÃO
Preparar o creme custard colocando numa caçarola parte do leite frio e dissolver a farinha custard. Juntar o restante leite e os restantes ingredientes.
Levar ao lume médio, mexendo com uma colher de pau, até atingir ponto de estrada.
Retirar a casca de limão e o pau de canela. Reservar.

Preparar o doce de framboesas colocando as framboesas e o açúcar numa caçarola. Deixar ferver em lume médio até obter um ponto de estrada fraco.
Demolhar previamente as folhas de gelatina em água fria, escorrer e juntar no doce quente. Mexer bem. Reservar.

Cortar o bolo em fatias com 2cm de espessura.
Embeber as fatias com o vinho do porto.

Bater as natas em chantilly com o açúcar.

Na taça do trifle dispor uma camada de creme custard, seguida de bolo, doce de framboesa e chantilly. Repetir a ordem terminando em chantilly.

Tapar a taça com película aderente e levar ao frigorífico até à hora de servir.

Decorar com framboesas frescas.

 
 
 
 
 
 

NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Optar por framboesas congeladas partidas (crumble) que são mais baratas, uma vez que são para fazer um doce;
- Embora possa ser usado um pão-de-ló caseiro partido e embebido, acho que este bolo de compra simplifica o processo e não compromete o resultado. Escolha o de sabor a baunilha em vez do de limão que tem um sabor mais ativo;
- Feito de um dia para o outro o bolo absorve a humidade do creme custard, ficando ainda mais cremoso.

20 comentários:

  1. Fui conquistada: pelas framboesas e pelo creme custarda. Um dia, com tempo, ainda experimento esta receita :)

    ResponderEliminar
  2. Ficou lindo e deve ser muito delicioso. Bjs

    ResponderEliminar
  3. Olá,
    Tem um optimo aspecto!
    Aproveito para divulgar o meu blog:
    http://sentadonamesa.blogspot.com
    Obg
    Sonia

    ResponderEliminar
  4. que maravilha de receita e que belo efeito visual..amei..e..tô levando..pensando já no Natal...bjus

    ResponderEliminar
  5. Até estou a salivar. Tem um ar maravilhoso!! Tenho que fazer um dia destes.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Ficou com um aspeto super saboroso!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Chego a este blog hoje e vejo logo uma delicia destas :) Adoro triffle e com framboesa parece delicioso.

    Visita-me também.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  8. Mais uma sugestão fantástica...
    Com um aspecto maravilhoso...
    Perfeito para partilhar a dois... ou mais... ;)
    Anotadíssimo...
    Obrigado por partilhares...
    Beijinhos e boa semana...

    ResponderEliminar
  9. Mais uma perdição!
    Tem óptimo aspecto e não duvido que tenha ficado uma delícia. :)

    ResponderEliminar
  10. Renato,

    Gostei muito do aspecto festivo da sobremesa! Acho que seria uma boa idéia para o fim-de-ano. Já anotei!

    Bjs

    ResponderEliminar
  11. É realmente uma sobremesa muito vistosa. E ideal para estes dias de um Outono muito quente...
    Babette

    ResponderEliminar
  12. Olá!
    Sobremesa linda e com carinha de deliciosa.
    Vim agradecer, aprendi uma receita aqui... fiz e publiquei no meu blog dando créditos, tá?!
    Obrigada!
    Um bejim!

    ResponderEliminar
  13. Hum que delícia deve ser muito bom isso com sorvete

    ResponderEliminar
  14. Gostaria de parabenizar o seu Blog, pois é de grande finésse e qualidade! Receitas maravilhosas, bem explicadas e com dicas fundamentais. Ganha disparado de muitos sites que conheço... É cada receita que dá vontade de morar numa cozinha! Beijos, Daniele Muniz.

    ResponderEliminar
  15. Olá. Não sei o seu nome, mas adoro o seu blog. Acho que é dos melhores blogs de culinária por aí, com receitas bem explicadas até para aprendizes como eu.
    Tenho uma dúvida em relação a esta receita, acha que posso substituir o bolo madeira por palitos la reine?(que nao encontrei nem no aldi, nem no lidl nem no continente).
    Boas Festas!

    ResponderEliminar
  16. Ana - Muito obrigado pelos elogios. Ainda bem que tem gostado do que por aqui se faz.
    Claro que pode substituir o bolo por palitos la reine, também são macios e absorvem bem. Os palitos champanhe podem também ser usados. Encontra o bolo madeira no lidl, costuma existir de baunilha (é o que usei), limão (acho com sabor forte) e mármore.
    Depois conte como correu.
    Bom ano novo :)

    ResponderEliminar
  17. Obrigada pela rápida resposta! Como não tive oportunidade de ir ao Lidl hoje, usei mesmo os palitos la reine que já tinha em casa. Adoro esta receita, pois adoro framboesas e todo o tipo de frutos vermelhos. Decorei o topo de chantilly com raspas de chocolate e framboesas frescas, que reparei no outro dia ja há no Lidl. (ou se calhar já havia há muito tempo e eu só reparei agora :).
    Deixo apenas duas sugestões: o creme de custard não chegou, tive que fazer o dobro, e em relação ao vinho do porto, que tb adoro, optei por molhar numa calda de vinho do porto para não ficar tão forte: fervi água com açucar e quando começa a ferver desligo e adiciono o vinho do porto, assim dá para embeber o biscoito, sem ficar muito forte...

    Bjs e sucesso para o blog! Feliz 2012!

    ResponderEliminar
  18. Obrigada pela rápida resposta! Como não tive oportunidade de ir ao Lidl hoje, usei mesmo os palitos la reine que já tinha em casa. Adoro esta receita, pois adoro framboesas e todo o tipo de frutos vermelhos. Decorei o topo de chantilly com raspas de chocolate e framboesas frescas, que reparei no outro dia ja há no Lidl. (ou se calhar já havia há muito tempo e eu só reparei agora :).
    Deixo apenas duas sugestões: o creme de custard não chegou, tive que fazer o dobro, e em relação ao vinho do porto, que tb adoro, optei por molhar numa calda de vinho do porto para não ficar tão forte: fervi água com açucar e quando começa a ferver desligo e adiciono o vinho do porto, assim dá para embeber o biscoito, sem ficar muito forte...

    Bjs e sucesso para o blog! Feliz 2012!

    ResponderEliminar

Deixe aqui o seu comentário a esta cozinha!