segunda-feira, 17 de Dezembro de 2012

COSCORÕES COM AÇÚCAR E CANELA

Bolo rei, filhoses e coscorões são a minha "santíssima trindade" da doçaria de natal.

Típicos de quase todo o país, os coscorões revestem-se de especificidades nas diferentes regiões. Claros ou escuros, curtos ou compridos, largos ou estreitos, com margens lisas ou recortadas, esticados ou enrolados, tiras simples ou com recortes pelo meio, de massas simples ou bem aromatizadas, cobertos com açúcar e canela ou com uma calda.
O que têm em comum é serem fritos, mas mesmo assim, ainda o podem ser em óleo, azeite ou banha!

Estes que apresento são de massa simples, uma massa em tudo semelhante à [dos pastéis de] massa tenra (onde geralmente não se escalda a farinha com a água a ferver e a manteiga é substituída por azeite), ficam apenas dourados e insuflados. O açúcar e canela dão o toque doce e a natal.

Cá em casa, juntamente com a fatias douradas (rabanadas) são doces de todo o ano, porque o natal é...

Fiz assim...

COSCORÕES COM AÇÚCAR E CANELA


INGREDIENTES
500ml de água
1/2 colher (chá) de sal grosso
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de banha de porco
casca de 1 limão
1kg de farinha
3 ovos
1 colher (sopa) de fermento em pó

açúcar e canela para polvilhar

PREPARAÇÃO
Levar a ferver a água com o sal, manteiga, banha e a casca de limão.

Numa tigela bater os ovos e misturar a farinha e o fermento.
Escaldar a farinha com a água a ferver.
Amassar muito bem até se obter uma massa lisa.
Deixar repousar 1h tapada, eventualmente no frigorífico.

Retirar uma porção de massa e esticar na pedra enfarinhada com o rolo da massa, até 3-4mm de espessura.

Cortar tiras finas com uma faca, disco da pizza ou carretilha e fritar em óleo quente.
Escorrer em papel absorvente e passar, numa taça, pela mistura de açúcar e canela.


NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Se não quiser tender a massa toda, reservar no frigorífico a bola de massa num saco plástico sem ar ou envolvida em película aderente, durante alguns dias;
- Fritar a massa fria e no fim do repouso deixa os coscorões com as típicas bolhas na superfície. Esticados e fritos logo após a terem sido amassados tendem a ficar mais massudos.

8 comentários:

Luisa Alexandra disse...

Adoro estas receitas típicas do Natal, são sempre tão boas!

Alessandra disse...

Olá como vai , estou dando uma passadinha por aqui para ver como tudo anda e aproveito para desejar um feliz natal e muito sucesso , até mais

pimentanaweb disse...

Este é o meu doce de natal favorito. Sou capaz de ter uma mesa cheia de coisas doces e os coscorões são a unica coisa q enche o meu prato. Se passares por aqui, podes deixar alguns!!
Aqui na nossa terrinha aparecem mais é com calda por cima!

beijinhos

Joana disse...

Ficaram com muito bom aspecto :D Cá em casa não é costume fazermos, mas já comi e gosto muito :D

Beijinhos e um bom resto de dia :D

Candy Love disse...

Aiii gosto tanto!!! A minha avó costuma fazer pelo Natal e eu adoro!! :)

lojadopaodelo.blogspot.com disse...

Estes são os doces que me fazem lembrar o Natal da minha infância em casa dos meus avós! Que pena tenho que nunca me tenha ensinado os seus segredos... Parabéns, tem um aspecto delicioso.

guarda móveis disse...

Típica receita que só de olhar já dá vontade de comer.

♥ mesa para 4 disse...

Hummm adoro ! Bom Natal :)