domingo, 29 de julho de 2018

BOLO DE LEITE DE COCO (VERSÃO VAPOR)

Coco é um dos sabores que muito aprecio, não tanto como chocolate e laranja, mas ao mesmo nível da baunilha, limão, canela...
Este bolo por ser assado como tradicionalmente no forno ou no vapor.
A vantagem de ser cozido no vapor é sobretudo pela textura, muito macia, tal como no Bolo de cacau ou chocolate (versão vapor). Mas há outras características: a ausência de crosta típica de um bolo, dourada, o ser pequeno, pois tem de caber no tabuleiro do vapor diminuindo a tentação, o não precisar de forno, para aqueles que não usam o forno no verão, poder ser cozinhado nas férias, mesmo no campismo, se levou o robot de cozinha consigo.

É um bolo de aroma e sabor delicados, nada bem marcado. O leite de coco tem um sabor suave e não sendo muito doce permite combiná-lo com frutas laminada, como morangos.
A cobertura de chocolate e coco ajuda dar-lhe um toque extra de doçura e não desaponta quando acompanhado pelas frutas ou uma colherada de natas ácidas, como é hábito aqui em casa.

Querendo assar no forno a forma pode ser maior e a receita pode ser acrescentada, resultando num bolo um pouco maior também.

Fiz assim...

BOLO DE LEITE DE COCO (VERSÃO VAPOR)


INGREDIENTES
Para o bolo (forma de 5 chávenas +/- 1,5 l):
100 g de manteiga
75 g de açúcar
3 ovos
150 ml de leite de coco
200 g de farinha de trigo T55 com fermento
1 colher (chá) de fermento

Para a cobertura:
100 de chocolate negro 71%
3 colheres (sopa) de natas, manteiga ou mesmo leite
coco ralado

PREPARAÇÃO
Numa tigela ou na taça da batedeira, se puder ir ao microondas, colocar a manteiga e levar a amolecer no microondas.
Juntar o açúcar e bater com a batedeira até se obter um creme.
Acrescentar os ovos e continuar a bater até que este creme fique fofo, esbranquiçado e os grãos de açúcar já não se sentirem ao toque.
Adicionar o leite de coco e bater um pouco mais.
Envolver com a espátula ou ainda na batedeira numa velocidade baixa, a farinha e o fermento.

Verter a massa para uma forma com chaminé untada com manteiga e enfarinhada.
Bater com a forma na bancada, em cima de um pano dobrado, para eliminar algum ar.
Levar a assar no forno cerca de 40 minutos ou no vapor cerca de 50 minutos.
Quando dourado e cozido retirar do forno e deixar repousar 5 minutos e só depois desenformar.


No robot de cozinha colocar a manteiga e programar 2,5 min./60°C/vel. colher.
Acrescentar o açúcar e programar 1 min./vel. 1 e pelo bucal os ovos e continuar por 2 min./vel. 3.
Juntar o leite de coco, 30 seg./vel. 3 e depois a farinha com o fermento 15 seg./vel. 3.
Raspar as laterais do copo e envolver com a espátula.
Verter a massa para uma forma com chaminé untada com manteiga e enfarinhada.
Bater com a forma na bancada, em cima de um pano dobrado, para eliminar algum ar.
Cobrir a forma com folha de alumínio prendendo no rebordo em volta e fazendo um furo no centro para passagem do vapor.
Tapar a varoma com a tampa de plástico e se for preciso envolver a união com folha de alumínio para reter o vapor.
Colocar 1,5 l de água no copo. Colocar a varoma em cima e programar 50 min./varoma/vel. 2.

Destapar e com um pano retirar a forma. Deixar o bolo repousar 5 minutos e só depois desenformar.

No fim de frio partir o chocolate em pequeno pedaços para uma tigela de vidro e juntar as natas, manteiga ou leite.
Levar ao microondas 30 segundos e mexer. Voltar a aquecer de 10 e 10 segundo mexendo sempre.
Quando restarem apenas alguns pedaços pequenos de chocolate por derreter deixar repousar uns minutos que o calor residual acaba por ser suficiente.
Polvilhar com o coco ralado.


Versão do mesmo bolo mas com 5 ovos, misturado na batedeira, aromatizado com um pouco de pasta de baunilha e assado no forno.

NOTAS, MAS NÃO MENOS IMPORTANTES
- Para assar no vapor sem robot, colocar no fundo de uma panela ou tacho largo onde caiba a forma, uma pequena forma baixa ao contrário ou algo similar, para que a forma do bolo assente em cima e não fique em contacto com o fundo do tacho (poderia queimar). Tapar a forma com folha de alumínio, tapar o tacho e deixar cozinhar em lume que mantenha a água a ferver calmamente;
- Se a forma de chaminé usada tiver o fundo plano, colocar na varoma por baixo da forma um pauzinho de espetada ou do chinês/japonês partido ao meio, para que o vapor possa circular mais facilmente (ver aqui foto);
- Querendo fazer o mesmo bolo mas um pouco maior pode usar: 170 g de manteiga, 125 g de açúcar, 5 ovos, 250 ml de leite de coco, 340 g de farinha de trigo T55 com fermento, 1,5 colher (chá) de fermento.

1 comentário:

  1. Nunca comi bolos cozinhados a vapor!
    Mas parece-me bem!

    beijos
    CP

    ResponderEliminar

Deixe aqui o seu comentário a esta cozinha!